Assembleia

quarta-feira, 14 de junho de 2023

Assembleia aprova requerimento de Iracema Vale para realizar sessão solene em homenagem ao IHGM




 Sessão, que ocorrerá no dia 23 de junho, será de reconhecimento à instituição pelos relevantes serviços prestados ao Maranhão.

A Assembleia Legislativa aprovou, nesta terça-feira (13), o requerimento nº 234/2023, de autoria da presidente da Casa, deputada Iracema Vale (PSB), que propõe a realização de uma sessão solene, no dia 23 de junho, em homenagem ao Instituto Histórico e Geográfico do Maranhão (IHGM) por seus preparativos para o primeiro centenário de relevantes serviços prestados ao Maranhão.

Segundo a deputada, o IHGM tem dado uma importantíssima contribuição ao Estado do Maranhão ao longo de sua marcante trajetória. “Na ocasião, os professores Sálvio Dino e Aline Nascimento serão empossados como novos membros dessa histórica instituição. Uma nova diretoria do IHGM deverá conduzir a programação alusiva às comemorações do centenário dessa histórica instituição do Maranhão”, ressaltou a deputada.

Reconhecimento

A presidente do IHGM, Dilercy Adler, afirmou que a instituição atua a serviço do Maranhão e que se sente honrada em receber o reconhecimento da Assembleia Legislativa, por intermédio da iniciativa da deputada Iracema Vale, a primeira mulher a presidir o Parlamento Estadual.

“Somos uma instituição quase centenária e que tem uma história. Agradecemos e nos sentimos muito honrados e felizes. Essa atitude da Assembleia muito nos honra e serve de prova pública para que outros entes públicos olhem melhor para as instituições que são de caráter puramente culturais,” salientou.

Por sua vez, Sálvio Dino disse que, com essa iniciativa, a Assembleia reconhece a envergadura de tantos anos de relevantes serviços prestados ao povo maranhense. “É uma iniciativa extremamente louvável da deputada Iracema, que demonstra sua sensibilidade para com essa temática, ou seja, a preservação da cultura, das tradições e história do Maranhão”, afirmou.

História do IHGM

O IHGM foi fundado em 20 de novembro de 1925, em São Luís, em comemoração ao centenário de D. Pedro II. Dentre os sócios fundadores, estão Antônio Lopes da Cunha, Justo Jansen, Domingos de Castro Perdigão, Pe. Arias de Almeida Cruz e José Eduardo de Abranches Moura.

A instituição tem por finalidade estudar, debater e divulgar questões sobre história, geografia e ciências afins, referentes ao Brasil e, especialmente, ao Maranhão. E cooperar com os poderes públicos em estudos que visem ao engrandecimento científico e cultural do Estado.

Teve seu primeiro Estatuto promulgado no ano de 1925 e outros quatro nos anos de 1951, 1978 e 1997.

Durante o Estado Novo, no final da década de 30, o Instituto foi perseguido, desalojado de sua sede e seu acervo foi parar nos porões do Liceu Maranhense. Até 1948, o IHGM foi despejado cinco vezes, só adquirindo sede própria em 1950, quando recebeu a doação de um prédio do Governo do Estado, situado à Rua Grande, 640, esquina com a Rua de Santa Rita.

O IHGM foi responsável pela instalação do primeiro museu do Estado do Maranhão, em 1926. É mantido por meio de doações, contribuições mensais dos sócios efetivos e colaborações eventuais.

Possui um calendário cultural anual para comemoração das datas relevantes da história, oferecendo ao público palestras, seminários, conferências, simpósios e cursos. Tem uma revista editada, cuja primeira edição foi publicada em 1926. Atualmente conta com quarenta e cinco número editados.