Assembleia

sábado, 29 de julho de 2023

Menina que estava desaparecida há quatro anos aparece em delegacia

 




Adolescente de 14 anos não era vista desde setembro de 2019, quando sumiu de casa, em uma pequena cidade no Arizona, nos Estados Unidos.

Alicia Navarro, 14, que estava desaparecida desde setembro de 2019 foi encontrada viva quatro anos depois, ao entrar em uma delegacia a centenas de quilômetros de distância de sua casa, em uma pequena cidade do Arizona, nos Estados Unidos. Agora, a polícia tenta juntar as peças para desvendar o caso misterioso e entender o que aconteceu.

De acordo com uma reportagem da Fox News, ela estava em casa, quando sumiu sem deixar rastros. Antes, ela escreveu um bilhete, dizendo que voltaria. A mãe dela, Jessica Nunez, acreditava que ela tinha sido atraída por algum predador na internet e nunca parou de procurá-la – sem sucesso.

Agora, com 18 anos, ela apareceu em uma delegacia em Glendale, Montana. Segundo os policiais, ela está “saudável e feliz”, apesar de se sentir “sobrecarregada”. Agora, os investigadores tentam entender o que aconteceu durante esse período em que ela ficou sumida.

Em uma entrevista que foi registrada em vídeo, um detetive pergunta à jovem se alguém a machucou enquanto ela estava fora e ela reponde: “Não, ninguém me machucou”. Então, o policia fala: “Nosso objetivo é apenas garantir que você esteja seguro”. A adolescente responde: “Eu entendo isso”.

Logo depois que a polícia confirmou que a jovem era Alicia, a mãe dela publicou um vídeo emocionante na página do Facebook que criou para ajudar a procurá-la. Emocionada, a mãe da menina disse aos apoiadores: “Quero dar glória a Deus por responder às nossas orações e por este milagre. Minha filha, Alicia Navarro, que estava desaparecida desde 15 de setembro de 2019 foi encontrada segura. Ela está viva e segura. Não tenho detalhes, mas o importante é que ela está viva. Quero agradecer à comunidade e a Deus”.

O tenente Scott Waite, do departamento de polícia de Glendale, declarou, em uma entrevista coletiva: “Estamos apenas começando a montar o quebra-cabeça que é o desaparecimento e a volta dela. Eu só pediria paciência. Só podemos imaginar o que ela e sua família estão passando. Este é provavelmente apenas o começo de onde esta investigação irá”.

“Não sabemos se ela esteve com alguém enquanto estava desaparecida”, acrescentou o tenente. “O que podemos dizer é que quando ela apareceu na delegacia estava sozinha”, afirmou.

De acordo com o porta-voz da polícia, Joe Santiago, as emoções estão misturadas diante de tudo o que aconteceu. “Estamos felizes e, ao mesmo tempo, esperançosos de podermos abastecer esta família com um pouco mais de detalhes”, declarou.

“Por mais de quatro anos, os detetives aqui seguiram milhares de pistas. Este caso está longe de ser encerrado. Continuamos investigando seu paradeiro nos últimos quatro anos e faremos isso junto de nossos parceiros federais. Alicia está pedindo privacidade neste momento. Estamos gratos por poder trazer algum tipo de encerramento para sua família. Também estamos gratos por ela parecer estar com boa saúde e feliz”, finalizou o porta-voz.

Fonte: Blog da Suelda Santos