Assembleia

quinta-feira, 21 de março de 2024

Mandante do assassinato de professor em Pio XII é preso pela Polícia Civil

 



Na manhã dessa quarta-feira (20), policiais da 7ª Delegacia Regional de Santa Inês prenderam o último envolvido no assassinato do professor Pedro Lopes, na cidade de Pio XII. O preso, identificado como Daniel Aguiar, conhecido como Daniel “Palhaço”, é apontado como mandante do crime.

O assassinato aconteceu no dia 23 de outubro, ocasião em que Pedrinho comemorava o seu aniversário dentro da AABB, no Centro município. Tudo foi gravado pelas câmeras de vigilância do local.

Anteriormente, a Polícia já tinha preso dois acusados de efetuarem os disparos que resultou na morte de Pedrinho.

Os policiais de todas as delegacias, que compõem a regional, deram cumprimento a um mandado de busca e apreensão na residência do alvo da operação.

Durante as diligências, foram localizadas duas armas de fogo, munições, diversos aparelhos celulares, pendrives entre outros itens que foram apreendidos para compor as investigações.



Contra ele existe em aberto também um mandado de prisão pelo crime de tráfico de drogas. Daniel “Palhaço” foi levado para a Delegacia Regional de Santa Inês e, em seguida, encaminhado ao presídio da cidade, onde permanecerá a disposição do poder judiciário.

Daniel “Palhaço” usava seu perfil no Instagram para publicação do símbolo de uma facção, que ele diz ser integrante, além de exibir abertamente armas de fogo. Contra ele, existe outra acusação de um assassinato também realizado em Pio XII..

Fonte; Blog do Gilberto Lima